Keanur por Messenger

COMO A MCLAREN VÊ A F1 DO FUTURO

A McLaren Applied Technologies deu-nos uma visão muito futurista sobre a Formula 1, apresentando não só um carro, mas também um conceito de corridas. Tudo isto poderá ser realidade lá para 2050.
O monolugar fechado, recebe motor eléctrico, tem tracção traseira e pode atingir os 500km/h! O carro teria um sistema de Inteligência Artificial como co-piloto, pneus capazes de se regenerarem e uma aerodinâmica dinâmica, ou seja, capaz de mudar de configuração a todo o instante.
A McLaren olhou também para os recintos onde as provas teriam lugar. A ideia é incluir zonas inclinadas (estilo oval), pit lane com capacidade para recarregar baterias e a possibilidade dos circuitos se adaptarem aos diferentes tipos de condições meteorológicas.
Haveria uma zona de “Black Out”, onde o piloto não teria comunicações, nem assistência da Inteligência Artificial, e cujas emoções seriam reflectidas no chassis. Para uma experiência ainda mais próxima, a McLaren imaginou estruturas transparentes, onde os fãs poderiam andar por cima da pista, vendo os carros mais de perto.